Day Spa de sol

por bonita detox

Sol e céu azul em São Paulo, e temperatura geladinha. O que fiz? Me instalei num spazinho que costumo frequentar, ali nos jardãns. O sol é muito bom quando combinado com fatores de proteção altos e muita água. É ele quem esimula a produção de vitamina D em nosso organismo, fundamental na absorção do cálcio. Sem falar na corzinha linda que empresta a este ser descendente da Branca de Neve aqui. Sol na piscina e risadas com melhores amigos de infância que vi pela primeira vez na vida, renovaram minhas energias. Muitos sucos, de framboesa, de laranja com água de coco, de aloe vera e tangerina. Salada de frango, tomate seco, palmito pupunha, muito pepino, muita coisa gostosa num prato lindo e colorido. Em seguida mais relax, piadas ácidas e revelações bomba ( secret!) e lá fui eu malhar na academia mais super  mega limpa gigante clean simpática e sem pessoas bombadas, da cidade. Puxei, empurrei e levantei peso. Logicamente, com a consciência de que não vou trincar tanto meu corpo, porque ainda quero ficar bem em uma Gaynor, a meia e a sapatilha. Logo após o treino, comi uma barrinha de proteína e estou chateada porque acho que é isso que está me dando uma leve alergia no braço. 😦 Vou ter que trocar por ovos, i guess. Hoje, estou toda dolorida do jeito que eu gosto e mais leve. Na balança do spa estava 55,7 kg e na alma devo ter perdido uns 15 encostos. Deve ser por isso que vampiro não gosta de sol. Vade retro! 😛

Anúncios